27 julho 2012

instantâneos de verão V

O aquecimento global é um erro de marketing. Falam no aquecimento global no inverno, e a malta pensa, é pá, era mesmo bom que ficasse mais quentinho. Vem o verao, e um ou dois graus mais nao assustam ninguém, assim como assim, está ali o mar à disposição para arrefecer, ou o ar condicionado faz com que nem se note o que se passa lá fora. Tivessem ameaçado com o arrefecimento global, e estava a malta toda preocupada. O frio chateia. E, na realidade o arrefecimento global não só teria muito mais impacto na vida das pessoas (ainda agora estavam a dizer na televisão que o inverno de 2010 foi o mais rigoroso de sempre em Londres), como, naqueles dias de verão em que se vêm nuvens seriam o comprovativo de que afinal, o clima está a ir para onde ninguém quer que vá. E como o resultado do aquecimento global será o degelo, a paragem da corrente do golfo, e posteriormente, outra idade do gelo, isto nem é mentira nenhuma. Tivessem avisado que vem aí o arrefecimento global e estavam as pessoas todas a reciclar, as empresas preocupadas com a pegada ecológica, os países a diminuir as emissões de carbono, até as vacas estariam dispostas a cooperar.  Assim, olha.

(ou então não, mas no fundo, no fundo, se houve várias eras glaciares, com certeza que mais tarde ou mais cedo vem aí outra)

3 comentários:

  1. Se calhar até tens razão...
    Há espcialistas que dizem uma coisas e outros o seu contrário...
    Beijo.

    ResponderEliminar
  2. Se tivessem todos visto o The Day After Tomorrow, sabiam!

    ResponderEliminar